(91) 99278-2202

Belém - Pará - Brasil

Revisão – FGTS

Cálculo para Revisão das Perdas do FGTS;

 

A revisão do FGTS se dá em função da correção errada, que é feita pela TR (Taxa Referencial), e não pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) e pode chegar a uma defasagem de até 88,3% do saldo atual.

Esta correção é cabível para todos que tem ou tiveram conta no FGTS, ou seja, foram registrados pela CLT. A correção é solicitada desde 1999 até os dias atuais. Até aqueles que já sacaram o valor em algum período depois de 1999 também podem solicitar esse correção, mas a um percentual menor, até a data do saque. As pessoas que possuem parentes falecidos com conta do FGTS também podem, com legitimidade, pedir a correção.

 

 

 

 

Documentos Necessários

- Extratos do FGTS desde 1999, que você pode conseguir com o cartão cidadão, na internet site da Caixa, ou na CEF;

- Elaboração do Cálculo da diferença do FGTS;

- Protocolar ação na Justiça Federal

Contratação

Custo de elaboração: Sob consulta.

 

Formas de Pagamento: Boleto bancário, Transferência online (TEF), Depósito bancário, PagSeguro.

 

Prazo de confecção: 5 dias úteis a contar da confirmação do pagamento.

 

Solicite a contratação pelo canal “Entre em Contato”, colocando no assunto “Contratação cálculo do FGTS”. Clique aqui.