(91) 99278-2202

Belém - Pará - Brasil

Negociando dívidas. Você está preparado?

Quando o assunto é dívida, banco, empréstimo ou financiamento, as pessoas podem se enquadrar em  três níveis de conhecimento financeiro: Básico; Intermediário; e avançado. Cada nível demonstra a capacidade de  compreender e de se defender das chamadas “pegadinhas financeiras”. Vamos conhecer cada um deles.

 

Nível Básico: “Qual o valor das parcelas?” Essa é a principal e única pergunta das pessoas que se enquadram nesse nível. Facilmente ludibriadas, elas fazem a alegria de qualquer instituição de crédito.

 

Nível intermediário: Um pouco mais instruída que aquelas do nível básico, as pessoas desse nível se vangloriam por questionarem a taxa de juros das operações, e apenas isso, como se esse fosse o único custo embutido em uma operação de crédito. Apesar de estarem mais preparadas, também são presas fáceis e fazem a alegria das instituições de crédito.

 

Nível avançado: Esse é o terror e o maior pesadelo dos funcionários de banco, financeiras e outras instituições de crédito. As pessoas desse nível de conhecimento não são gênios das Finanças ou da matemática financeira, mas entendem perfeitamente o conceito de Custo Efetivo Total, o famoso CET da operação. Elas sabem que existem outros custos além das taxas de juros, como taxas, tarifas e reciprocidade bancária, que podem onerar substancialmente o custo de uma operação de crédito. Em uma negociação elas logo perguntam: Qual o CET da operação? Isso quando elas mesmas não calculam, usando a sua HP12C.

E você? Qual o seu nível de conhecimento financeiro quando o assunto é operação de crédito?

 

Dica. Vai tratar de dívidas, empréstimos ou financiamentos, fique atento ao CET da operação, essa é a variável chave nesse tipo de negociação.

 


 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *